Blag


Crédito da ilustração

Saturno

 

O caminho reto nem sempre é o mais curto.

Entre dois pontos pode ser longo

o caminho reto.

Hesitar diante dos atalhos.

Ir direto a lugar algum.

Parar e dar mil voltas em torno de

si mesmo, de sua própria, fatídica

retidão.

Render-se ao destino: linhas retas

curvam-se ao vazio pleno de energia

que nos circunda.

 

 



Escrito por nilson galvao às 17h52
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Textures 3

Crédito da foto

Forró

Para Elomar

 

Ouço luzes.A gente cria

num dia desses.

Cheiro rascante de estrume,

inspiração, expiração

e o halo do tempo esse arco

de tudo. O que a gente come rumina,

sem dúvida volta seja como for,

merda pode ser que a bênção

nos escape.

A gente cria todo dia, roça

infinita do que a gente cria,

palavra, palavra, palavra

no pó.

 



Escrito por nilson galvao às 00h21
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Pintura rupestre

Equação

 

Toda palavra é tardia,

novesfora a poesia.

 



Escrito por nilson galvao às 17h28
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Nordeste, SALVADOR, RIO VERMELHO, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, Escrevinhador de gaveta.
Histórico
Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  Sarapatel (Márcia Rodrigues)
  Licuri (Marcus Gusmão)
  MadameK (Kátia Borges)
  Nofundonoraso (Chico Vivas)
  Work in Progress (Neyse Limma)
  Jorginho em Angola (Jorge Ramos)
  Pirata dos sete mares
  Blog do Galinho
  Acorde Verso



O que é isto?